Cultura

Prefeitura de Alhandra mente e causa constrangimento a Junina Bem-te-vi

Apesar dos constrangimentos, a quadrilha Junina bem-te-vi levou a premiação do terceiro lugar, honrando a trajetória de luta da quadrilha.

A Quadrilha Junina Bem-te-vi está passando por constrangimentos causados pela Prefeitura Municipal de Alhandra. O embate começou desde o último sábado (7), quando a Quadrilha participou de uma competição na cidade de Caldas Brandão, interior da Paraíba. Segundo os quadrilheiros, o motorista do ônibus da Prefeitura não teria esperado o final das atividades da quadrilha no evento e teria deixado os quadrilheiros ao relento na cidade.

A quadrilha levou 42 participantes para o evento em Caldas Brandão. Dezenas de quadrilhas se apresentaram no evento, que começou por volta das 20hs00 do sábado (7) e terminando apenas as 05hs00 do domingo (8), como foi informado por um dos organizadores. O ofício autorizado pela Secretária de Transporte de Alhandra, dava direito aos quadrilheiros permanecerem até o final do evento.

Esclarecimento da organização do evento das quadrilhas em Caldas Brandão. Foto: reprodução

Por volta de 1hs da manhã, o Motorista identificado como Júnior, teria informado aos quadrilheiros que não ficaria mais no evento, e que todos deveriam retornar ao ônibus para voltar para Alhandra. Mesmo tendo se apresentado, a quadrilha só recebe a premiação se estiver presente na hora do anúncio. Os dirigentes da quadrilha informaram que o oficio dava direito retornar apenas no final do evento.

Mesmo de posse do oficio e esperando o término da programação do festival para saber a colocação da quadrilha, o motorista foi embora deixando os quadrilheiros em Caldas Brandão. Alguns integrantes da quadrilha informaram que bolsas, celulares e pertences acabaram ficando dentro do ônibus. Sem ter para onde ir, os quadrilheiros ficaram na rua em Caldas Brandão.

Oficio da Junina Bem-te-vi. Foto: reprodução

Essa não é a primeira vez que isso acontece, segundo nota da Junina Bem-te-vi, o mesmo motorista ameaçou deixar 5 pessoas em Paulista, e em outra vez, no concurso e Pilar, o motorista trouxe todos os quadrilheiros de volta sem opção da quadrilha participar da solenidade final da competição e saber se havia ou não conquistado algum prêmio.

Na rua, sem seus pertences e sem conhecer ninguém; os integrantes da quadrilha foram socorrido por um vereador de Caldas Brandão, que providenciou comida e água para todos, e uma forma de contato com a Secretária de Transporte de Alhandra. Os integrantes parabenizaram o Secretário de Transporte por ter atendido o chamado de socorro e ter enviado outro ônibus para busca-los. O ônibus chegou por volta das 11hs do domingo, chegando em Mata Redonda as 14hs. O que deveria ser motivo de alegria virou tormento para os quadrilheiros.

Junina Bem-te-vi. Foto: reprodução
Junina Bem-te-vi. Foto: reprodução
Junina Bem-te-vi. Foto: reprodução

A Prefeitura Municipal de Alhandra emitiu Nota:

NOTA DE ESCLARECIMENTO
SECRETARIA DE TRANSPORTE
SEC. Adelson Florenço

O secretário de Transporte Municipal de Alhandra, Adelson Florenço, esclareceu um fato ocorrido no último sábado (07) que gerou uma confusão entre um motorista da Prefeitura e integrantes da junina Bem-te-vi, do município de Alhandra.

De acordo com o secretário, foi autorizado o transporte dos integrantes a partir das 19:30h, que iriam participar de um concurso de juninas no município de Caldas Brandão, deixando claro que ao final do evento todos teriam que embarcar no ônibus de volta para Alhandra, tendo em vista o horário de trabalho do motorista.

Adelson Florenço relatou que, de acordo com a apuração dos fatos que ele realizou, mantendo contato com a organização do evento em Caldas Brandão, conversando com o motorista e com um integrante da junina, o concurso foi encerrado de 01h da manhã após entrega da premiação, o motorista deu um prazo para que até às 02h da manhã todos os componentes estivessem no local de embarque, mas, no horário combinado ninguém apareceu. O motorista identificado como Júnior, saiu à procura dos integrantes da junina, ao encontra-los informou que eles teriam mais uma hora para aproveitar a festa na cidade e após isso deveriam se dirigirem ao ônibus. Mais uma vez, não obedeceram a orientação e algumas pessoas teriam começado a humilhar o motorista ao afirmar que ele era apenas um empregado e tinha que ficar esperando até amanhecer o dia, caso contrário seria demitido.

O condutor então convocou os componentes que estavam cansados e querendo voltar para casa e pegou a estrada de volta, deixando os outros para trás, fato que gerou repercussão nas redes sociais, porém a informação divulgada não corresponde com a realidade.

“Ouvi o motorista, me comuniquei com a organização do concurso em Caldas Brandão e também com integrantes da Bem-te-vi que não aguentaram esperar pelos outros e retornaram com o motorista e já era 4h da manhã, sendo que o evento terminou de 01h. Temos toda boa vontade de atender os pedidos que nos fazem e disponibilizar transporte, porém, as pessoas devem respeitar os profissionais e ter a responsabilidade de cumprir horários, pois o motorista tem uma carga horária de trabalho que deve ser cumprida. Assim que soube do ocorrido, encaminhei outro ônibus para transportar o restante da quadrilha junina que ficou em Caldas Brandão. Não concordamos com o fato do motorista ter deixado os demais integrantes, mesmo sabendo que foi uma opção deles ficarem no evento. Lamentamos o ocorrido e nos colocamos à disposição para esclarecimentos”, disse o secretário.

Adelson também aproveitou a oportunidade para parabenizar a Junina Bem-te-vi pela conquista do terceiro lugar no concurso.

Quadrilheiros e Organização do evento desmentem a Prefeitura

Apesar da nota de esclarecimento da Prefeitura, os quadrilheiros resolveram se manifestar em seu site oficial. A Quadrilha informou que “a matéria mentirosa e tendenciosa do Portal do Litoral PB, a fim de distorcer a realidade dos fatos” e avisou que segundo os próprios organizadores do evento em Caldas Brandão, o festival terminou por volta das 05hs00, dando o resultado final ás 05hs30.

Esclarecimento da organização do evento das quadrilhas em Caldas Brandão. Foto: reprodução

A Quadrilha também emitiu nota em seu site oficial, explicando o que aconteceu. 

Nota: Vendo a matéria mentirosa e tendenciosa do Portaldolitoralpb, a fim de distorcer a realidade dos fatos, onde eles dizem que o concurso realizado em Caldas Brandão terminou de 1 hora, onde o motorista de ônibus (JUNIOR) da prefeitura de Alhandra abandonou 42 duas pessoas de forma proposital, esse mesmo motorista já tinha ameaçado deixar 5 pessoas na cidade Paulista na madrugada de domingo 17 onde havia 3 pessoas a ser atendida numa UPA, o mesmo ameaçou deixar os 3 pacientes e 2 acompanhantes se não abandonassem a UPA e entrassem no ônibus, já na viagem para Pilar dia 29 o fato voltou a se repetir e saímos do evento antes de terminar o concurso impossibilitando a junina de receber uma possível premiação e causando  revolta a todos da quadrilha.

Em Caldas Brandão, mesmo sabendo que o ofício tenha validade até o fim do evento, o evento terminou ás 5 horas da manhã de domingo e motorista foi embora de 1 hora, o motorista entrou no ônibus, e mandou um recado dizendo que já iria embora (como se ele tivesse ali fazendo um favor, ele é funcionário, motorista e tem que cumprir com suas obrigações), e foi o que ele fez, deixando pra traz 40 pessoas incluindo crianças e algumas mães, um ato desumano e cruel por parte do motorista. Ficamos sem pertences, celulares, bolsas, jogados e sem ter muito o que fazer, recebemos alguns pães e mortadela de um vereador de Caldas Brandão, o ônibus chegou para nos buscar as 11 da manhã do outro dia, ainda tivemos que passar 3 horas dentro do ônibus, pois o motorista fez um trajeto duplicado, passando por Guarabira, Araçagi e Mamanguape chegando em Mata Redonda às 14 horas.

Somos muito gratos a secretaria de transporte municipal, a prefeitura de Alhandra, ao prefeito Renato Mendes, por sempre está disponibilizando o transporte para que possamos representar ALHANDRA por onde passamos, só não podemos nos calar diante de tal atrocidade cometida pelo motorista e também agora por esse portaldolitoralpb.

Temos consciência de que a culpa não foi da secretaria e sim do motorista (JUNIOR), o que esse motorista fez conosco ele pode fazer com qualquer outro grupo, PORTANTO DEIXAMOS AQUI NOSSO REPÚDIO A ESSA ATITUDE NO MÍNIMO DESUMANA COM TODOS DA JUNINA, ATINGINDO TAMBÉM TODA POPULAÇÃO ALHANDRENSE.

A Junina Bem-te-vi conquistou a premiação

Apesar dos constrangimentos, a quadrilha Junina bem-te-vi levou a premiação do terceiro lugar, honrando a trajetória de luta da quadrilha. A Junina Bem-te-vi é a única quadrilha ativa no município, e participa de vários eventos culturais no estado e fora. O tema deste ano é “A Festa da Cidade Jurema,” que exalta a tradição cultural, histórica e religiosa da Jurema em Alhandra. Envolto em um romance, a histórica conta um romance entre uma Católica e um Juremeiro.

1° Lugar Fazenda Lampião – João Pessoa
2º Lugar Flor do Mandacaru – João Pessoa
3º Lugar Junina Bem-te-vi – Alhandra
4º Lugar Linda Flor do Sertão
5º Explosão Nordestina – Santa Rita
6º Arroxa o nó – Santa Rita
7º Fulô do Cerrado

Redação – Litoral.News

redacao@litoral.news

Tags
Mostrar mais

Posts relacionados

1 thought on “Prefeitura de Alhandra mente e causa constrangimento a Junina Bem-te-vi”

  1. Olá estou tão animado encontrei seu blog página,
    realmente te encontrei por acidente, enquanto eu estava procurando
    em AOL para outra coisa, no entanto eu estou aqui agora e gostaria
    de dizer obrigado para um incrível post e um para todos interessante blog (eu também
    amo o tema/design), não tenho tempo para olhar sobre isso tudo ao minutos mas tenho marcados- e também adicionado em seu RSS feeds , então quando eu tenho tempo eu estarei volta para ler
    muito mais, por favor continuem a excelente emprego.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: